Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Jardim de Mil Histórias

Jardim de Mil Histórias

08
Ago16

Opinião | "Naquela Ilha", de Ana Simão

Isa Pereira

Título: Naquela Ilha 
Autor(a): Ana Simão
Editora: Marcador
Edição: 2016
N.º Páginas: 222 páginas





Sinopse:
Uma ilha onde nada acontece. 
Um destino implacável.
Uma jovem apaixonada por um homem mais velho.
Um farol cheio de segredos.
Uma história única.
O que separa um amor do resto do mundo?

«Parece que ainda estou a ouvir aquela voz nova. Fecho os olhos e procuro-a dentro de mim. Consigo escutá-la. Gosto dela. É uma voz rouca de mel, serena e macia. Foi a única voz que ouvi quando regressei a mim. Estava tão perto e as outras tão longe. Não sei quanto tempo estive ausente, mas foi aquela voz que me trouxe à vida. Nunca a vou esquecer. Nem quero. Percebi naquele instante que estava viva e em segurança. E isso foi bom. Não sei quem é. Queria tanto agradecer-lhe: salvou-me a vida. Não sei como o vou encontrar. Já perguntei, mas ninguém sabe.»




Opinião:
Recebi este livro da autora Ana Simão e da Editora Marcador para poder falar sobre ele aqui no blog. Ana Simão é a autora do livro A Menina dos Ossos de Cristal e como já referi que tenho o privilégio de conhecer. 

Esta é uma história de amor que nos leva até à ilha da Berlenga. Uma história de amor difícil. O que parece um pouco absurdo, pois o amor devia ser tão fácil. Uma história sobre faroleiros e a sua vida que chega a ser de alguma solidão, longe de quem mais amam.

Li esta história com uma boa nostalgia e com uma vontade enorme de voltar à ilha da Berlenga. Tive o prazer de visitar a ilha quando estudava na faculdade e por lá acampar durante alguns dias. Sei o que é cozinhar naquela ilha, dormir aos som das gaivotas, lavar os dentes com água salgada. Uma experiência que jamais esquecerei. E este livro foi o recordar dessa experiência.

Através desta história respiramos a ar "salgado" da Berlenga, vemos a sua paisagem árida, ouvimos o grasnar das muitas gaivotas que sobrevoam e habitam a ilha. A escrita da autora, poética e fluída, deixa-nos a sonhar com toda aquela atmosfera. Uma ilha lindíssima que todos devíamos conhecer e que a autora retrata de uma forma muito bonita. 

Gostei da realidade que a autora tentou transmitir para a história. Das pessoas, dos lugares, das cheiros. Da simplicidade do amor, na sua forma mais simples e bonita. 

Foi tão bom regressar à ilha da Berlenga. Muito obrigada à autora e à editora Marcador por ter tido este oportunidade de ler este livro.


Nota: Este livro foi-me disponibilizado pela Editora Marcador em troca de uma opinião honesta. Mais informações sobre o livro aqui.








8 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Isaura's bookshelf: currently-reading

A Mulher Secreta
tagged: currently-reading

goodreads.com

Sigam-me

Links

  •  
  • Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Rubricas

    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    google1ed4a992f74de1ef.html