Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Jardim de Mil Histórias

Jardim de Mil Histórias

06
Abr21

Opinião | "Escrever: memórias de um ofício", de Stephen King

Isa Pereira

 

Ficheiro_002.jpeg

 

Título: "Escrever: Memórias de Um Ofício"

Autor/a: Stephen King

Editora: Bertrand

Edição: 07/2020

Classificação: 

Comprar: Wook (Link de afiliado)

Ficha do livro: Goodreads

 

Não sou a maior conhecedora da obra de Stephen King. No entanto, li  a trilogia do Sr. Mercedes que é mais o meu género. O vilão é de uma malvadez tal que me deu a volta às entranhas. Mas um dos meus géneros preferidos são as biografias, histórias de vida. Talvez assim compreenda melhor a pessoa.

O livro é contado num tom leve, desconstraído. Para aqueles que têm medo de ler o livro porque não lêem muito Stephen King: leiam o livro! Não se vão arrepender. Esse era  meu receio e desvaneceu-se complatamente. O autor aborda algumas histórias de certas personagens dos seus livros, mas sem desmacarar toda a obra. 

Conta também aspectos mais pessoais. Sobre a sua família, a mãe, o irmão, o seu casamento e os filhos. Acaba por abordar, também, o acidente que teve em 1999 que acabou por o marcar para o resto da vida. Mas sobretudo como escreve e como lê. E aborda a leitura como questão primordial para quem se quer tornar escritor: ler. Ler muito! 

Um livro que recomendo muito.

Boas leituras.

 

 

Sinopse

Em 1997, Stephen King começou a escrever sobre o seu ofício e a sua vida. A meio de 1999, um acidente muito noticiado quase lhe tirou a vida e, nos meses de recuperação, o nexo entre a escrita e a vida tornou-se mais crucial do que nunca para o escritor. O resultado é uma obra clara, útil e reveladora.

Escrever é, assim, um relato fascinante que, partindo da experiência específica do autor, proporcionará aos leitores uma nova perspetiva sobre a formação de um escritor, com conselhos práticos e inspiradores sobre todas as fases, desde o desenvolvimento da intriga e a criação das personagens até aos hábitos profissionais e à fuga ao trabalho. Publicada originalmente na New Yorker e vivamente aclamada, esta obra culmina com um testemunho comovente do modo como a necessidade irresistível de escrever estimulou a recuperação de Stephen King e o trouxe de volta à vida. Brilhantemente estruturado e cativante, este livro ensinará - e divertirá - todos os que o lerem.

 

01
Out20

Opinião | "83, Charing Cross", de Helene Hanff

Isa Pereira

IMG_3978.jpg

Já tinha este livro há imenso tempo na minha wishlist. Há tanto tempo que nem lembro bem como ele foi lá parar. A edição portuguesa está esgotada. Lá me decidi ler na versão original, em inglês e em e-book. Este é um livro de não ficção. Gosto muito do género e há muito que não lia nada assim.

Helene Hanff é uma escritora que vive em Nova Iorque e descobre, ao ler uma revista literária, uma livraria em Londres especializada em edições antigas e livros técnicos. Desta forma, Helene  começa a comprar livros a Frank Doel, o livreiro de 84, Charing Cross, pois de outra forma não consegue.

A troca de correspondência comoça em 1949 e durou mais de 20 anos. É engraçado sentir o tom formal das cartas a diminiuir e a ficarem mais próximos. A troca de cartas não só se dirigia ao dono da livraria, mas também a outros funcionários e à família. Gostei de ver a relação que estabeleceram ao longo destas cartas. 

É um livro bonito de se ler. Os livros aproximam as pessoas. E se tiverem curiosidade tentem ver o filme de 1987 com Anne Bancroft e Anthony Hopkins.

 

Classificação: 

Mais sobre o livro

goodreads.jpg

 

Sinopse:

Em 1949, uma carta, escrita num pequeno apartamento nova-iorquino, atravessa o oceano Atlântico e vai parar às mãos de Frank Doel, funcionário da livraria Marks & Co., no número 84 de Charing Cross Road, em Londres. É assim que se inicia uma correspondência de vários anos, que virá a transformar-se numa história de grande amizade.

16
Dez19

Opinião | "I´ll be there for you", de Kelsey Miller

Isa Pereira

IMG_0335.jpg

Desde sempre que adoro séries de tv! Já vi muitas, mas a série da minha vida é Friends. Estou sempre a ver algum episódio. Conheço os episódios e as piadas de trás para a frente. Nunca me canso. Por isso, quando soube do lançamento deste livro sabia que tinha que o ler.

É um livro de não ficção escrito por uma jornalista que, também como eu, acompanhou a série Friends como espectadora. A pesquisa que a autora fez foi incrível. As entrevistas, pesquisas em arquivos (entre outras).

Durante o livro podemos encontrar coisas que normalmente não temos conhecimento, como burocracias de processos contratuais. Relata alguns episódios icónicos, entrevistas dos atores e a sua vida "pós" Friends.

É um livro para todos, mas especialmente para os que adoram a série e que viram todos os episódios.

Uma excelente prenda de Natal.

Boas leituras. 

Nota: Este livro foi gentilmente oferecido pela Harper Collins para opinião no blog. 

14.jpg

 

 

23
Abr18

Opinião | "Fast Food, Fast Life, Fast Cancer - Uma Vida Sem Cancro"

Isa Pereira



Gosto de não-ficção. Quem me segue está "farto" de saber isso. É um género de livros que leio desde sempre e cada vez mais. Os temas vão variando. Mas ultimamente estou interessada em saúde e nutrição. Estou a mudar o meu estilo de vida e ler sobre o assunto ajuda. 

A autora Cátia Antunes já tinha lançado um livro sobre esta temática, também pela mesma editora. Fiquei de olho nele, mas na altura não se proporcionou. Quando vi este livro pensei que era a altura ideal para ler este livro. 

Defendo um estilo de vida saudável, no entanto não sou fundamentalista. Quero ser mais saudável, mas não apenas agora, mas perpetuar esse hábito para a vida. E não sabendo muito sobre o assunto tenho que ler e muito. 

Posso dizer que este livro está dividido em duas partes. Uma primeira parte mais teórica, onde a autora fala dos alimentos e os seus nutrientes. Partilha dicas e sugestões. Uma parte mais "científica" por assim dizer. Mas com uma linguagem acessível e nada aborrecida que nos faz ter a noção dos alimentos que comemos ou não comemos e do nosso estilo de vida. A segunda parte são receitas que a autora partilha para uma vida mais saudável. Confesso, que nesta parte não me identifiquei tanto. Tem algumas receitas com alimentos que não gosto muito e alguns até difíceis de encontrar. Por isso ainda não ter feito nenhuma e ainda não ter partilhado. 

A autora é adepta do estilo vegano e vegetariano e o mais natural possível. Ora, nem sempre consigo fazer isso, pois é difícil a nível familiar. Sim, eu sei! Mudanças são sempre difíceis. Ainda mais com uma criança de 4 anos. Mas é um processo. Faz parte. Em breve falarei melhor sobre este livro num vídeo que irei fazer. Para já fica aqui esta minha opinião.

Se gostam do tema não deixem de ler. E não se enganem: eu gostei de ler o livro. Toda a parte teórica foi um "abre olhos" no modo como consumos os alimentos e isso mudei. Estou a seguir os conselhos da autora. Só não partilhamos do gosto pelos mesmos alimentos. Apenas isso. 

Aconselho o livro a todos. E boas leituras. 


Nota:
Este livro foi-me disponibilizado pela Saída de Emergência em troca de uma opinião honesta.
Para mais informações sobre o livro clique aqui.  






03
Abr18

Opinião | "Simplificar", de Brooke Mcalary

Isa Pereira


Este é um livro simples. Não há outra forma de o descrever. A sua essência é a simplicidade e a descomplicação. 

Vivemos numa época muito agitada. Sempre a correr. Para ir trabalhar, para ir buscar os filhos à escola, para ir às compras no fim de um dia de trabalho...E por isso mesmo a autora Brooke Mcalary criou este blogue no sentido de partilhar as suas estratégias para uma vida mais calma e simples. E nesse sentido surgiu este livro Simplificar

É um livro pequeno, muito bonito que dá para transportar na nossa mala e inspirarmo-nos e lermos durante o dia. Linguagem simples e acessível que chega a todos. A autora apresenta, ainda, exercícios simples que poderá praticar no sentido de tornar a sua vida mais pacífica.

É certo que hoje em dia é um assunto muito discutido e, para muitos, poderá não acrescentar nada de novos. Mas numa época agitada nunca é demais ler sobre o assunto.

Boas leituras. 


Nota:
Este livro foi-me disponibilizado pela Clube do Autor em troca de uma opinião honesta.
Para mais informações sobre o livro clique aqui.  


29
Mar18

Opinião | "A Arte da Guerra", de Sun Tzu

Isa Pereira

Não sou muito de clássicos, é verdade. No entanto, tenho tentado mudar isso ao longo da minha vida de leitora. Este é um clássico muito antigo. Provavelmente muito conhecido entre a maioria dos leitores. Mas, como já vai sendo habitual, ainda não o tinha lido. E graças à editora Guerra & Paz tive agora a oportunidade de o ler. 

Já sabia ao que ia. Não fui iludida. Este é um livro de estratégia militar, escrito por Sun Tzu. Mas é também um livro muito filosófico, pois aquilo que encontramos nestas páginas podem ser aplicadas não só a nível militar, mas na nossa vida pessoal e empresarial. 

Sei que provavelmente não agradará a todos os leitores, pois pode tornar-se aborrecido ou demasiado técnico. Mas considero importante a leitura deste clássico em algum momento da nossa vida. 

Nota:
Este livro foi-me disponibilizado pela Guerra & Paz Editores em troca de uma opinião honesta.
Para mais informações sobre o livro clique aqui.  


28
Fev18

Opinião | "O Esplendor do Mundo", de Gonçalo Cadilhe

Isa Pereira



Gosto de viajar. Mas não nasceu comigo. Aprendi a gostar de viajar. E depois fica o vício. Querer conhecer outros lugares, novas culturas, já para não falar da gastronomia que é sempre a minha perdição.

Como tal, não sei ainda não tinha lido nenhum livro do Gonçalo Cadilhe. Era mais um daqueles que ficava apenas a intenção de ler e ia ficando para o lado. No entanto, graças à Clube do Autor, isso mudou.

Não se trata de um guia de viagem. É um registo pessoal do autor dos locais por onde viajou. Todo o livro é ilustrado com fotos tiradas pelo próprio. Este livro pretende despertar a curiosidade do leitor viajante. De querer conhecer este mundo que tem lugares lindos que desconhecemos. Fala de locais que já conhecia, outros que não conhecia, uns que quero ir e outros que, provavelmente, nunca irei conhecer.

Ler é viajar sem sair do lugar. Este livro é a prova disso.

Vamos viajar? E boas leituras.







Nota:
Este livro foi-me disponibilizado pela Clube do Autor em troca de uma opinião honesta.
Para mais informações sobre o livro clique aqui.  


22
Fev18

Opinião | "A Porteira, a madame" ,de Joana Carvalho Fernandes

Isa Pereira


Este é um livro de histórias reais. Não são contos, mas histórias de vida. De portugueses que deixaram tudo para trás e foram em busca de uma vida melhor. França foi o país escolhido (ou não). 

Estou certa que muitos de vós conhecerá algumas destas histórias. Todos temos tios, avós ou outros familiares que emigraram. Estas histórias não são nem mais, nem menos que outras. São percurso de vida de quem lutou e ainda luta por uma vida melhor. 

Joana Carvalho Fernandes é jornalista e esteve em França a trabalhar durante bastante tempo. Foi lá que conheceu estas histórias que mais tarde decidiu partilhar através deste livro, uma colecção "Retratos da Fundação", da Fundação Francisco Manuel dos Santos. 

Um livro pequeno, mas com muita vida no seu interior.

Aconselho. Boas leituras.


29
Jan18

Opinião | "A Doença, o Sofrimento e a Morte Entram num Bar", de Ricardo Araújo Pereira

Isa Pereira

Até então nunca li nenhum livro de um humorista. Gosto de os ouvir. A leitura é outra experiência. No entanto, procurava um livro pequeno e leve. Este pareceu-me o ideal. 

Na capa diz que "é uma espécie de manual de escrita humorística". Não o considerei como tal. É uma leitura leve, em que o autor vai falando da comédia no cinema, na literatura. É evidente a vasta cultura literária (e geral) do autor. É fantástico sentir essa cultura no livro. Por isso gosto mais de o ouvir.  

Fiquei a pensar a comédia de uma outra forma. Achei o livro demasiado filosófico. Não estava à espera disso. Por vezes há destas surpresas. No entanto, não deixem de ler. É uma leitura leve e agradável.

Boas leituras.

Mais informações sobre o livro aqui

10
Jan18

Opinião | "Quem conta um conto acrescenta um ponto - Atividades de leitura recreativa e de escrita criativa", de Ana Viegas

Isa Pereira

Título: Quem conta um conto acrescenta um ponto - Atividades de leitura recreativa e de escrita criativa"Autor(a): Ana Viegas
Editora: Lidel
Temática/Género: Ensino e Educação/Ensino de Português no Estrangeiro
N.º de Páginas: 140 páginas
Edição: 2017


Sinopse:
Quem Conta um Conto Acrescenta um Ponto é o primeiro de três complementos lúdico-didáticos que, a partir de textos da literatura oral portuguesa fixados em escrita, promovem atividades de leitura recreativa e de escrita criativa. Destina-se a um público jovem e adulto e tem como objetivo desenvolver as competências co-municativas em língua (linguísticas, sociolinguísticas e pragmáticas).

Encontra-se organizado em três partes: 
- A Parte I explora os conceitos de literatura oral, conto popular português, leitura recreativa e escrita criativa; 
- A Parte II compreende 20 oficinas de leitura recreativa e de escrita criativa com base em 20 contos populares portugueses, repartidas pelos níveis B1 e B2 do QECR e do Qua-REPE, com grau de dificuldade crescente, abrangendo, geralmente, atividades de pré-leitura, leitura, pós-leitura, planificação, textualização e revisão; 
- A Parte III contém um dicionário de criação pessoal a ser preenchido com a definição em contexto da palavra adquirida, um sinóni-mo e um antónimo.

Quem Conta um Conto Acrescenta um Ponto segue uma abordagem comunicativa e orientada para a ação, o que implica uma participação ativa quer do ensinante quer do aprendente, podendo ser utilizado tanto em contexto de aprendizagem formal, mediado pelo professor, como de aprendizagem não formal, autonomamente.

As soluções das atividades encontram-se no final do livro.



Opinião:
Recebi a informação deste livro com uma enorme surpresa. Porquê? Porque conheço a autora e desconhecia este seu projeto. No entanto, fiquei muito feliz por esta conquista. E sendo este um livro sobre a promoção da leitura é um pouco óbvio (para mim) que teria que o ler.

Este é um livro técnico sobre a promoção da leitura e escrita criativa para o ensino da língua portuguesa como língua estrangeira. A autora é formada em línguas e tem experiência como docente da língua portuguesa para estrangeiros. Como docente, sempre sentiu a necessidade de algumas actividade lúdicas que complementasse a sua função. Logo, este livro é dirigido a docentes da língua portuguesa para estrangeiros.

Todas as propostas apresentadas são baseadas em contos populares de Teófilo Braga, Adolfo Coelho e Consiglieri Pedroso. Facto que achei bastante interessante. Em todas as actividades a autora indica a duração da mesma, bem como algumas dicas práticas para os alunos e professores. 

A autora utiliza uma linguagem bastante acessível e aborda o leitor na primeira pessoa, de forma a estabelecer uma proximidade com o mesmo. Achei as actividades acessíveis, interessantes e criativas. Gostei bastante da abordagem da autora. Fiquei bastante interessada e motivada para conhecer a obra literária destes autores. 

Recomendo apenas a interessados por este assunto.

Boas leituras.

Nota:
Este livro foi-me disponibilizado pela Editora Lidel em troca de uma opinião honesta.
Para mais informações sobre o livro clique aqui.  

Mais sobre mim

foto do autor

Isaura's bookshelf: currently-reading

A Mulher Secreta
tagged: currently-reading

goodreads.com

Sigam-me

Links

  •  
  • Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Rubricas

    Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2020
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2019
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2018
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2017
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2016
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2015
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2014
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    Em destaque no SAPO Blogs
    pub